5 de março de 2010

QUEIMADAS NOS CANAVIAIS... O QUE É POLUIÇÃO???

                                                   
O processamento de milhões toneladas da cana-de-açúcar, um crescimento assustador deste tipo de indústria, realmente nos deixa preocupado tanto no aumento dessa monocultura desfavorecendo a diversificação das culturas que traria um crescimento socioeconômico sustentado, tanto na pratica das queimadas que temos que suportar até 2014. E a nível social uma alta concentração de rendas.
.
As nuvens da fumaça destas queimadas formam gases tóxicos nocivos à população, um significativo aumento das concentrações de ozônio e de monóxido de carbono (segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), e a fuligem além da sujeira no meio ambiente urbano, causam prejuízo à saúde das pessoas. *

É um desrespeito a nossa constituição no seu Art. 225 onde diz que:
.
Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao poder público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e futuras gerações.
.
§ 1º Para assegurar a efetividade desse direito, incumbe ao poder público:
.
I - preservar e restaurar os processos ecológicos essenciais e prover o manejo ecológico das espécies e ecossistemas; “As queimadas e a monocultura da cana-de-açúcar atingem as espécies e o ecossistema”
.
IV - exigir, na forma da lei, para instalação de obra ou atividade potencialmente causadora de significativa degradação do meio ambiente, estudo prévio de impacto ambiental, a que se dará publicidade. “No caso da cana-de-açúcar a população não está sendo informada dos perigos das queimadas”
.
V - controlar a produção, a comercialização e o emprego de técnicas, métodos e substâncias que comportem risco para a vida, a qualidade de vida e o meio ambiente;
.
VI - promover a educação ambiental em todos os níveis de ensino e a conscientização pública para a preservação do meio ambiente;
.
VII - proteger a fauna e a flora, vedadas, na forma da lei, as práticas que coloquem em risco sua função ecológica, provoquem a extinção de espécies ou submetam os animais à crueldade. “Animais morrem carbonizados durante as queimadas, espécies são extintas ou expulsas etc.”.
.
§ 3º As condutas e atividades consideradas lesivas ao meio ambiente sujeitarão os infratores, pessoas físicas ou jurídicas, a sanções penais e administrativas, independentemente da obrigação de reparar os danos causados.

A fuligem das queimadas da cana de açúcar prejudica a qualidade de vida e o meio ambiente, além da saúde dos trabalhadores no corte da cana e da população, trás diversos problemas de saúde causados por mais de 70 produtos químicos identificados na fumaça resultante destas queimadas. As partículas mais finas são a que traz maior prejuízo à saúde, são tóxicas ou cancerígenas, pois são levadas para dentro dos pulmões causando infecções pulmonares, agravando as situações dos que sofrem de asma, bronquite, enfisema pulmonar e doenças do coração.
.
Aumenta o consumo de água, pois é recomendável o uso da água para a sua remoção evitando assim que se respire o carvãozinho da fuligem prejudicando a sua saúde.
.
As queimadas também alteram a física, e a química do solo, prejudicando sua fertilidade.
.
Nós que habitamos em lugares que sempre ficou longe da poluição, agora corremos o risco de enfrentar uma mudança drástica no nosso ar e no clima, sem tempo algum para uma possível adaptação, se é que isso existe adaptação a poluição...


Postar um comentário