25 de dezembro de 2012

Homens-porcos e Porcos-homens.

Será que há quem não sabe que a gente sabe que o Lula sabe  que o sabiá sabia sobiar?
Sabemos. Sabemos de forma diferente.
O CARA atravessou entre TIO SAM e KARL MARX, num momento ou melhor numa época em que a "ESPERANÇA DANÇAVA  NA CORDA BAMBA DE SOMBRINHA". Nesta época o que se SABIA???
Alguns sabiam alguma coisa , outros nem suspeitavam.
A "Revolução dos Bichos" de George Orwell era um prenúncio, mas quem saberia???
Eram tantos  MACUNAÍMAS e tantos MAQUIAVÉLICOS.
Como distinguir entre homens e porcos???
Quem sabia, quem saberia???
Eu confesso, não sabia, mas me conforto em saber que Helio Bicudo tb não sabia.
De uma coisa sabíamos:  QUE NÃO PODERÍAMOS SABER DE NADA. QUE NOS ERA PROIBIDO SABER.
Mas a vontade de MUDANÇAS convocou nosso inconformismo, e na neblina do tempo, confundimos  homens-porcos com porcos -homens.
Custou descobrir que o MACUNAÍMA era MACUNAÍMA, mas o CARA atravessou de forma oportunista, se esgueirando entre TIO SAM e KARL MARX, claro, e continua atravessando no imaginário popular.
Repetimos a história, a velha história!!!
Porém não devemos esquecer que os homens-porcos comem no mesmo cocho que os porcos-homens: em mesas com toalhas e roupas elegantes, em colarinhos brancos.
 Repudiar "os de agora",num nojo recente, com a chance de vomitar...
Mas há o repúdio de um antigo nojo, que já nos intoxicou em "manchas torturadas", sem a chance da êmese aliviante.
Agora, de uma coisa não há  como saber: será que existem homens-homens suficientes para MUDAR este status-quo???
"A Esperança Equilibrista Sabe..."
Dr. Thales Pereira (Psiquiatra)

Postar um comentário